segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Quando o blog não responde questões da vida

Tenho uma nova amiga de blog: a Elisângela. Começou a me seguir e disse que vai ler o blog inteiro. Logo no primeiro comentário que deixou, disse que várias coisas ficaram sem respostas e respondi a ela que muitas vezes, respondo diretamente à pessoa, não deixando resposta aqui no blog.

Mas as respostas que ela espera são outras...são respostas da vida!

Como sou uma pessoa reflexiva, me peguei a pensar o porquê de muitas vezes deixarmos alguma coisa no ar. 

No momento em que as coisas acontecem nas nossas vidas, sejam elas boas ou ruins, vem carregadas de grande emoção. Depois a emoção passa, já que o ser humano está constantemente em busca de algo. Em se tratando de problemas, esquecemos aquela dor imensa depois da solução dada aos mesmos. Quando a questão é alegria, ela é mais momentânea ainda, pois precisamos sempre de novas alegrias.

Talvez seja por isso que "coisas" vem e vão e deixam de ter importância para nós, como naquele momento do ocorrido.

A amiga Bel ensinou-me um exercício: reler todo o blog. Estou ávida por começar, para reviver algumas coisas, sofrer de novo algumas dores, chorar as mesmas alegrias já vividas, e de tudo isso, tirar novas emoções.

Pois a vida é assim: um turbilhão de emoções, de idas e vindas que se sucedem, mas que jamais retrocedem, já que o passado não volta. Passou. Só não acabou, uma vez que sempre haverão lembranças...

p.s.: Elisângela - não, não houve cirurgia! GAD! E o apelido do marido...vou te deixar curiosa mais um pouco e logo, porei um post especial ok?

5 comentários:

  1. Ursula querida,

    fiquei emocionada agora! Ganhei um post!! rsrsrs
    Seu blog já estava aberto, então antes mesmo de atualizar, primeiro fui ler os comentários do dia 13/12 pra ver se voce tinha respondido, e voce tinha postado o meu coment mas estava sem resposta... fiquei perdida! Pensei: ihh, ela não gostou da intromissão e perguntação, melhor deixar quieto!
    Calcula minha surpresa ao ver esse post!
    Graças a Deus que não teve cirurgia! E vou ficar aguardando ansiosa o desfecho do enigma Toruboi...rsrsrs
    Eu sou curiosa nata,quando minhas amigas resolvem perguntar algo entre elas sempre dizem: vou dar uma de Elisângela agora....`.
    É triste, mas é real!
    Já estou em junho/2010... fiquei sem ver a foto prometida da Bibizoca parecendo o Justin Bieber, bem como a foto da sua nova camera importada de Dublin, da sequência da viagem marítima que parou no primeiro dia...
    mas pode deixar que me controlarei! Prometo!
    E já vou encomendar o livro indicado!! Obrigada!
    Ursula, é estranho porque a gente vai se sentindo íntimo do autor... eu já te conhecia dos coments do Madruga em claro, do qual virei fá de carteirinha, tinha que ser um dom de família mesmo! Apesar do tom ser completamente diferente!
    Parabéns por compartilhar de forma tão verdadeira as questões da vida, inclusive as sem respostas que sempre farão parte da trajetória!
    Abraços,
    Elisângela

    ResponderExcluir
  2. Olha a Elisângela aí! Mais nova amiga da família inteira. Muito bom. bjo

    ResponderExcluir
  3. A sua amiga Bel tem razao. Reler o blog eh uma experiencia muito boa. Sempre me sinto melhor qdo releio o meu.
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Discussão estonteneante neste blogue, tópicos deste modo demonstram valor a quem visitar aqui :)
    Escreve muito mais deste sítio, a todos os teus visitantes.

    ResponderExcluir
  5. Oi bonita este espaço está muito estruturado.........Boa pinta :/
    Muito agradável Continua deste modo !!

    ResponderExcluir