sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Internet e a velocidade da notícia

Se você é o tipo de pessoa que se diz "desligada" do mundo virtual e caiu neste blog por algum acaso da natureza, preste muita atenção: é hora de mudar sua forma de pensar. Quem está desligado hoje do mundo virtual, está desligado do mundo. Ponto.

O Twitter foi a ferramenta que chegou com grande timidez, e vem tomando espaço na mídia dia após dia. É a maneira mais rápida de saber sobre tudo e sobre todos. Basta seguir as pessoas certas e pronto: você estará por dentro de tudo.

Desconectei-me do Twitter hoje para fazer o jantar. Coisa de 20 minutos. Sentei-me no sofá e comecei a assistir ao Happy Hour/GNT. Ouço a apresentadora confirmar a morte do senador Romeu Tuma. Não fez diferença alguma em minha vida.

Ao término do programa, fiquei impressionada ao ver o que aconteceu no Tú (para os íntimos) durante minha ausência. As discussões estavam formadas e o nome do suposto senador morto já se encontrava entre os tópicos mais acessados.

Interessante mesmo é ver a criatividade das pessoas:

"Romeu Tuma ressucitou, pois não tinha autorização do Neymar para morrer"

"Folha e DataFolha explicam morte do Senador: está tudo dentro da margem de erro"

"Romeu Tuma deu um control + Z na morte"

"Jesus levou três dias para ressucitar. Romeu Tuma apenas alguns minutos"

"5 ministros do STF acham que Romeu Tuma morreu. 5 acham que não. A decisão sai na 2a.feira"

Difícil mesmo é manter a profissão de publicitário, em tempos como os de hoje, onde a criatividade do povo estrapola. E olha que já tinha sido uma festa a semana inteira, com as gozações sobre o jogador do Santos, Neymar. Não sabe do que estou falando? Corre para o Tú, abre uma conta e me segue: @ursulahummel.

Um comentário:

  1. huahuauhuhaa... eu nem tive tempo de acompanhar a morte... quem dirá a ressureição. mas concordo com sua análise no final... o povo é bom pra cacete na criatividade...

    ResponderExcluir