sábado, 5 de junho de 2010

Quando a escola é ruim e se supera


Tenho a sensação de que atraio algumas coisas. E não é por querer, ou por ficar insistentemente pensando em alguma coisa. Sempre procurei matricular meus filhos em boas escolas, tradicionais, com referências boas e "clientes" felizes. Só que escola na minha vida é que nem empregada: uma maravilha no começo, algumas reclamações durante o caminho e um fim litigioso.
A escola que meus filhos estudam é uma escola que tem sessenta e quatro anos, aproximadamente mil alunos e se diferenciou de outras escolas grandes e tradicionais de Santana pelo modo em que tratava os alunos, respeitando o fato de cada um ter um nome e ser um indivíduo com suas peculiaridades.
De um ano pra cá, as coisas começaram a desandar. No segundo semestre do ano passado foi um estresse que só. A escola parou os tais 15 dias devido à gripe dos porquinhos em pleno mês de agosto, e encerrou o ano letivo em 24 de novembro, enquanto todas as outras escolas prosseguiram com aulas até próximo ao Natal. Isso pegou muito mal para eles, pois foi vagabundagem pura. Justificaram dizendo que já haviam cumprido os 200 dias exigidos pelo MEC. Então se não tivesse o recesso de agosto, quando teriam as aulas?
Este, porém, é um exemplo bem light e não estou afim de ficar falando de todos os problemas. O que me levou a desabafar aqui foi o recado que veio na agenda das criancinhas Hummel:
"Senhores pais, nos dias de jogos do Brasil, a escola terá aulas até 9h40, quando todos os alunos serão dispensados, inclusive os do horário integral (cujos idiotas dos pais estarão trabalhando), e retomaremos nossas atividades normalmente às 14h30, com o calendário de prova sendo cumprido normalmente para o vespertino".
Preciso chamá-los de idiotas? Ridículos? Vagabundos? Malandros? Ou ignorá-los, já que as criancinhas Hummel já estão matriculadas em outra instituição de ensino?

7 comentários:

  1. Oi Úrsula, eu acompanhei aqui da Holanda pelos canais brasileiros.. o caos que virou nas escolas durante o periodo sem aula por causa da tal gripe!
    Fugindo um pouquinho do assunto, aqui na Holanda todas as escolas foram obrigadas a vacinar todos os alunos, os pais não tiveram preocupações nenhuma quanto a isso!
    O ano letivo aqui é levado muito a sério tanto para os alunos quanto para a escola! Quero ter meus filhos aqui na Holanda, e quero que eles tenham a educação daqui que é muito levado a sério.
    Beijos querida

    ResponderExcluir
  2. Gabi, leve a sério sua idéia de vc e o Gu terem filhos aí, pq no Brasil o ensino está o caos. Meus filhos estudam em uma escola que está mequetrefe, pago mais de 3 salários mínimos brasileiros para isto, fora o que pago de impostos ao ano, para não ter nada, absolutamente nada!!!! Aqui a coisa tá feia mesmo! Bejaum

    ResponderExcluir
  3. Gabi, leve a sério sua idéia de vc e o Gu terem filhos aí, pq no Brasil o ensino está o caos. Meus filhos estudam em uma escola que está mequetrefe, pago mais de 3 salários mínimos brasileiros para isto, fora o que pago de impostos ao ano, para não ter nada, absolutamente nada!!!! Aqui a coisa tá feia mesmo! Bejaum

    ResponderExcluir
  4. Achei essa escola muito sensata! Estão de parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Alguma coisa precisa andar por aqui...

    ResponderExcluir
  6. mas que merda de horário é este?
    leva a crianças as 7, pega as 9, leva de noiva as 14?
    fica com as crianças o dia todo e o telão ligado, ou então dá folga pra todo mundo
    meu deus
    ]que tosquice

    ResponderExcluir
  7. Lilly, os caras são uns imbecís... por isso vão quebrar logo logo... assim eu torço, para largarem de ser bestas!

    ResponderExcluir