terça-feira, 1 de junho de 2010

Meu dia de mãetorista

Seis da madruga. Estavámos, eu e o Petelequinho, dentro do banheiro esperando fazer bafo quente no banheiro para entrarmos no box. Tomamos banho, leite, remédio, terminamos de arrumar a mochila: repelente, protetor solar e agenda. A filhota já se troca sozinha. Um toque de perfume, MUITO talco no pé-chulé e lá fomos nós.
Sete da matina: o ônibus da excursão saiu. Fui em uma pequena reunião com a coordenadora e de lá sai para encontrar aquela escola MARA que contei.
Dez e trinta: voltei para casa, paguei todas as contas, reservei o hotel para as férias dos Hummel.
Meio-dia: achei que só ia buscar filhotinha umas 14h30, mas ela ligou pedindo carona mais cedo. Lá fui eu até Santana e voltei. Dei almoço para a Bibizoca.
Duas da tarde: fui até o cartório autenticar uns documentos, de olho no relógio, pois a Bibi tinha inglês.
Três da tarde: parei o carro na porta da escola de inglês e vim correndo pra casa. Postei várias baboseiras, respondi a quase todas as minhas mensagens.
Cinco da tarde: voltei para Santana. Peguei Bibi na escola de inglês, andei mais dois quarteirões e o ônibus da excursão chegou exatamente 17h30. Aguardei liberação do Peteleco.
Seis e dez: consegui chegar em casa sã e salva. Dei banho de gato no Peteleco, um leite quentinho, troquei a roupa, escovei os dentes, dei remédio, coloquei na cama. Preparei uniforme e mochila para amanhã. Preparei o jantar. Quer dizer, ainda estou preparando. Se eu sobreviver, só falta o último afazer de hoje que é bate-papo com a Bibizoca. E colorim colorado.
p.s.: amo quando falo para as pessoas que vou parar de trabalhar a partir do mês que vem. Vou parar de ganhar pra trabalhar em escola, já que não vou mais trabalhar em escola. Mas a vida continua!

11 comentários:

  1. Amiga, super esposa e super mãe! Essa é vc!!
    Sei como é tudo corrido, mas vc dá conta muito bem!
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. "esperando fazer bafo pra entrar no box"????? água é mato agora? por isso que o planeta nao vai pra frente...

    ResponderExcluir
  3. MV, o moleque tá recém-saido de antibiótico (ainda faltam 4 dias de tratamento), to de frente pra Serra da Cantareira, o frio tá duka por aqui... e o planeta não vai pra frente pq existe a Cyrela.

    Ká, nem contei que ainda falta a parte de esposa...rs. Beijos no6

    ResponderExcluir
  4. ah.. e não achei nenhum post contando seu fight com a cyrela... quero saber what happened...

    To curiosa.

    beijos

    ResponderExcluir
  5. vida de mulher é assim... mas sei que dá conta inclusive a de esposa e amante...hehehe

    Cade sua resposta no meu post moça???? estou esperando uma ajudinha no portuga lá...

    Beijim e brigadim desde já..

    ResponderExcluir
  6. Amiga, Cyrela é a história da tragédia da minha vida (e de meus vizinhos). Coloca no buscador a palavra CYRELA, pois trata-se de uma epopéia, e vc precisa ler tudo pra entender. Ou entre no www.apiceoupurgatorio.blogspot.com, que também tem bastante coisa lá (o blog tb é meu). Beijos

    ResponderExcluir
  7. Meodeos, q correria!
    Ta viva amiga? rs

    Bjooos

    ResponderExcluir
  8. Amiga Than, hj foi pior q ontem... não consigo nem blogar...

    ResponderExcluir
  9. Confesso que você realmente parece ser uma mãezona! hahaha =)
    Para causar um pouco de inveja, aqui na Europa, quando eu for mãe (quero ter meus filhos aqui na Holanda) não terei problema com eles, pois as crianças aqui já tem o habito normal de andar pra todos os lugares de bicicleta.
    Quanto a isso estou livre.
    Mais confesso também que me corta o coração, quando os pais sem coração mandam os filhos a escola no INVERNO, as 6:30 da manhã, tudo escuro a 15°C negativos. Isso me parte o coração mesmo!
    beijos amiga.

    ResponderExcluir
  10. Na verdade você vai parar de ganher dinheiro, porque seu trabalho vai é dobrar !
    HAHAHAHAHAHAHAHA

    Junte-se aos bons ! :)

    ResponderExcluir
  11. Gabi, acho que ser mãe faz parte do instinto de qq mulher... ontem a medica me disse que MÃE NÃO ERRA! Assim tentamos né?

    Ká, dobrar? Nossa, não sei como vou conseguir!!!

    Beijos nas duas

    ResponderExcluir