segunda-feira, 28 de junho de 2010

Entre tapas e beijos

Se há algo que tenho certeza de que nasci com, foi: VIRGINIDADE E ALERGIA. Senhor, como alguém pode ser tão alérgica quanto eu? Simples, sendo meu filho, e filho do marido Toruboi, que é tanto ou mais alérgico que eu. Fato é que as criancinhas Hummel já começaram as crises de inverno. E não fiquem pensando que quando a primavera chegar, a crise vai embora. Não, começa a crise de pólem das flores, a crise do calor do verão, enfim, as crises aqui são contínuas e infinitas.

Enquanto as pessoas vivem, nós sobrevivemos. Estou ruim desde sábado. Febre, dores no corpo, tosse, dor de cabeça (mas não aquela do nervoso, outra, de sinusite mesmo), falta de ar. Hoje tomei coragem e decidi ir ao Pronto Socorro. Eu e mais todo o restante da população. Decidi então que, já que os sintomas eram os mesmos da última crise, usaria a mesma receita médica. Passei na farmácia e voltei pra casa munida de antibiótico, corticóide, xarope, antitérmico, antisinusite. O máximo que vai acontecer é eu morrer por overdose.

Já que estou vegetando aqui (e esperando um aluno particular que chegará em 10 minutos), resolvi dar uma olhadinha no Sitemetter e descobri, curiosamente, que há um novo perfil de visitas por aqui. Visitas vindas de bairros, digamos assim, empresariais. Tem gente que, ao invés de trabalhar, fica lendo meu blog. E ao final do dia, e finais de semana, as visitas se direcionam para a região da Paulista, Jardins e adjacências. Será que meu blog está tão interessante assim, que as pessoas não conseguem perder um só capítulo da minha vida?

Bom, tem gente que acha que me exponho demais. Problema de quem? Meu. Ah bom. Tem gente que se incomoda quando eu fale do meu marido. Que bom que é ter marido. Aliás, privilégio para poucas, já que tem gente encalhada desde que nasceu.

Seguinte galerinha, não quer ler o blog, não leia. Faça-me este imenso favor. Agora se quer ler, leia e engula minha alegria, minha felicidade, e mais ainda, meu poder em ser verdadeira e dizer sempre, sempre, sempre a verdade, doa a quem doer.

Recado dado? Espero. Agora vou colocar a camisa do Chile, pois meu aluno vai embora um minuto antes do jogo começar!

Fui

3 comentários:

  1. Ursinha eu adoro ler seu blog, gosto de saber como vcs estão, gosto de ler seus posts engraçados.
    Pra falar a verdade é uma maneira divertida de saber o que anda acontecendo com a família Pandinha.
    Não dá agradar a todos. Não esqueça que nem Jesus agradou a todos.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Pandinha
    Nem liga pra gente a toa...
    Eu até hj nunca recebi nenhum comentario indelicado; mas ja recebi alguns anonimos que nem tenho ideia de onde vieram...rs
    Ah, não pensei em te avisar pq nem me toquei de que estavamos tão proximas... Aliás, vc me deu seu telefone?? Mande no e-mail please!! Eu to longe do celular e sinceramente não me recordo se já o tenho...rsrsrs
    Espero que esteja melhor!
    Ah, só pra constar, sim, eu torço pelo BRASIL tá!! hahahaha
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Jackqueridíssima, eu AMO qd vc passa por aqui e deixa comentários!

    DaniDani, vou passar um email para o trabalho e mandar meus telefones!

    Besitos

    ResponderExcluir