terça-feira, 1 de junho de 2010

Como definir o espírito de porco?

Como meus leitores sabem (estou me achando), moro em um condomínio vendido como de alto-padrão. Como também sabem, tenho vizinhos muito legais, mas tenho os que poderiam ir para a Conchinchina. O que ninguém sabe é que descobri que quanto mais dinheiro as pessoas têm, menor é a educação delas. Claro que não podemos generalizar.
Ainda não temos vagas de garagem definidas. Cada um dos 248 condôminos têm direito a duas vagas para estacionar. Para entrar no condomínio, usamos aqueles crachás HORRÍVEIS para carro, até que as vagas sejam sorteadas e tenhamos os controles remotos de acesso.
Tem muito condômino com mais de dois automóveis. Ou não, simplesmente não usa o crachá. Os que necessitam de mais de duas vagas, fazem um esqueminha bem chinfrim: entram com o carro e o crachá. Estacionam. Tiram o crachá para entrar com o carro extra. Sacaram?
Eu tenho vergonha de desrespeitar regras. Poderia virar o espírito de porco também, mas fico imaginando o seguinte: e se me descobrem? E a vergonha? Não, não gosto de quebrar este tipo de regra. E nem várias outras.
Hoje fiquei chateada por ver nossa administradora andando de carro em carro, anotando cada uma das placas, para encontrar o dono do carro no cadastro de moradores e notificá-lo. E a lista já estava tão grande, que ri para não chorar.
Pessoas que driblam as regras de bom convívio abrem espaço para que todos façam o mesmo. Como quero ir para o Céu e habitar uma mansão com ofurô e motorista, vou fazer tudo direitinho. E você, como lida com regras?

3 comentários:

  1. Antes eu era mais como os seus visinhos. Vivia dando um jeitinho de me dar bem, confesso. Mas desde que vim morar aqui, passei a respeitar mais o espaço do outro. Fiquei mais consciente. No Brasil a gente tem a sensaçao da impunidade sabe? Isso incentiva, aqui nao. Ngm faz, vc seria um otario se fizesse. Eu nao sou otaria, mas no Brasil me sentiria otaria de ver todo mundo fazendo e eu nao....

    ResponderExcluir
  2. Mi, acho que vc falou TUDO. Nos sentimos lesados qd fazemos tudo direitinho e td mundo não cumpre nada. Nos sentimos IDIOTAS. É a cultura do nosso povo querer tirar vantagem. Acho que td mundo deveria fazer um estágio de uns 2 anos fora do país para cair a ficha!

    ResponderExcluir
  3. a administradora foi obrigada ursula.
    pois se todos dão de uma da mané e desrespeitam as regras alguem vai ficar sem vaga.
    melhor ser honesto e alugar a vaga de quem so tem um carro.

    ResponderExcluir