quarta-feira, 26 de maio de 2010

Que título dar a este post?

O dia começou como todos os outros. Eram 5h40 da madruga e eu no banho. Vesti-me e fui conferir se as crianças já estavam em algum estágio avançado para sairmos. Eis que o pequeno começa a vomitar MUITO. Sinal bem claro: mamãe não vai trabalhar hoje. Fiquei super frustrada, pois tinha uma atividade muito legal com meus alunos dos 8o e 9o anos hoje. Fazer o quê? Lavei o pequeno e coloquei-o para dormir comigo. Ele dormiu e eu fiquei velando seu sono. Até que ele começou a soltar gases matadores no quarto, que inpestiaram closet, banheiro e fui para a sala. Rezando para que ele não fizesse xixi na minha cama com a força dos punzinhos (punzinhos? aquilo eram rojões). Ele levantou quase nove horas. Diarréia. Das feias. Banho de cocô, banho de chuveiro, lava-se banheiro, roupas de molho. Agora a coisa acalmou. Depois de eu mandar meu pedido de desligamento da escola por email. Odeio gente que falta no trabalho quando há outras pessoas envolvidas esperando. Neste caso, alunos! Não tenho condições de trabalhar, não tenho um back-up quando preciso com as minhas crianças de barriga, e assim, deixo na mão minhas crianças de coração. Vou estruturar minha vida, tenho fé!
Entre um cocô e outro, fiquei navegando nos bloguinhos novos. O da Tarsila, que vive na Irlanda (e é formada em Letras, como eu) e o da Gabriela, que vive na Holanda. Ambos países que tenho ligação direta, já que no primeiro vive meu irmão e o segundo é onde vai morar minha prima, casada com um holandês há nove anos (os primos moram em Cascais).
Não me canso de dizer o quanto sou apaixonada pela blogsfera. Se eu tivesse tido a oportunidade multicultural que ela oferece hoje, teria sofrido muito menos de solidão e o livro da minha vida poderia ter sido BEM diferente.
E falando em livro da vida, assistindo ao Mais Você hoje, me emocionei ao ouvir a história da Dulce, uma angolana que veio fugida para o Brasil quando tinha 17 anos. Hoje ela tem 52 e contou sua história em um livro que comprei imediatamente: "Sabor de Maboque". Quando eu ler toda a história, postarei uma resenha aqui, mas pelo pouquinho que vi, a história parece fantástica! É aguardar. Ah, em tempo, a Dulce Braga também bloguinho!

8 comentários:

  1. Eita amiga, espero q o "peteleco" melhore rapido...e qto às aulas q vc não mais dará, sabe, hj eu consigo te entender....eu acho q eu abrirei mao de td tb pelos meus babies!
    De noticias dele ta!

    Bjoooos

    ResponderExcluir
  2. Oi Úrsula, tudo bem?
    obrigada por me seguir, adorei o seu blog.
    sempre to dando uma passadinha aqui para ver! de onde você é mesmo?
    beijos querida

    ResponderExcluir
  3. Than, tenhamos fé amiga!

    Gabi, sou de Sampa, terra da garoa!

    Beijos nas 2

    ResponderExcluir
  4. Amiga, estou igual ao seu filho hoje. Passei o dia deitada e branca que nem fantasma!
    Agora deu uma melhorada, mas ainda me sinto fraca.
    O duro é que juntou com a TPM, então dá pra vc imaginar o meu estado.
    E o pior é que tenho que embalar as minhas coisas da mudança....

    Beijocas

    ResponderExcluir
  5. Úrsula, espero que seu pequeno esteja melhor, quem sabe não era mesmo pra voce sair de casa hoje ?
    Eu acredito que nada acontece por acaso, há um propósito em tudo.
    Agora vem cá, voce sofrer de solidão ? Fala sério ! é difícil acreditar que mesmo antes da internet isso acontecesse com voce, e se aconteceu, a vida te tornou uma pessoa linda, capaz de se mostrar, de interagir, de se relacionar e de se expressar de um modo maravilhoso ! E voce não depende da internet pra isso, o livro da sua vida ainda pode ser bem diferente, escreva-o.
    Se pensarmos que hj é normal chegarmos aos 80 / 90 anos voce ainda tem por baixo 50 anos pra escrever o livro da sua vida. Junte os rascunhos, as resenhas, organize, e escreva a obra prima. AINDA HÁ TEMPO.

    beijocas,
    Mirian

    ResponderExcluir
  6. Ká, finalmente vai se mudar querida, me conta TUDDDDOOO... espero que vc melhore, pois mudança e virose e TPM, ninguém merece!

    Mi, que bom que vc deu sinal de fumaça amiga. Sabe, para eu escrever sobre minha vida, teria de ser uma enciclopédia, para conseguir explicar cada fato, cada período, cada momento... mas quem sabe um dia. Temos um projeto no condomínio de escrevermos sobre o Ápice, topas ser co-autora? Beijokas

    ResponderExcluir
  7. oi
    o que eu gosto é esta viagem que fazemos, em segundos estamos falando com alguem de portugal, e em outro da bahia.
    e as vezes qdo posto lá nos blogs vejo que falo a linguagem deles.
    e não é que outro dia eu falei num blog portugues que eu "estava a deitar fora".... em vez de dizer que joguei fora uma coisa
    rsrsrsrsrs
    bjs
    lilly

    ResponderExcluir
  8. Amiga, pensa que em breve vc vai falar comigo lá no Canadá... iuuupppiii... beijos, até 2a.feira!

    ResponderExcluir