quarta-feira, 3 de março de 2010

O que faz você feliz?


Sem dúvidas de que meu ideal de felicidade não é comer no Mc Donalds. Pra dizer a verdade, até dez anos atrás, antes de eu ficar grávida da minha filha mais velha, podia contar nos dedos quantas vezes tinha comido em alguma lanchonete da rede. Até que fiquei grávida e tive desejo de Mc Donalds. Comi dois números completos. E duas tortinhas. E nunca mais parei.

Maldição. Criança não sabe nem falar mamãe ainda, mas já sabe apontar o logo do Mc Donalds. Só que quando os anjinhos aprendem a comer, detestam os lanches, mas amam os brinquedos. Eis o meu lado criança.

Apesar de não ser fã do Mc e só comer nele quando estou verde ou azul ou roxa ou pink de fome (existe pink de fome?), sou super fã dos brinquedos. Não de todos, só quando as surpresinhas são bonecos de filme. Anos atrás, travamos uma busca dos personagens do Shrek 3. Pedi para meu irmão ir ao shopping Morumbi e para minha Dinda ir ao Mc da Panamericana. Com a ajuda de todo mundo, consegui a coleção completa. Compramos todos do Madagascar, dos Incríveis, dos ídolos do cinema infantil. Tem coisa mais difícil, contudo, do que conseguir os personagens principais de cada promoção?

Gente, duas semanas atrás, foi lançada a coleção de bonecos da turma do Chaves. As crianças comentaram comigo, mas deixei passar batido em meio a correria. Até que OS BONECOS DO CHAVES SE ESGOTARAM. Como? Não sei. Fui ao Mc da Ermano Marchetti, ao lado da rua do Curtume, onde por anos funcionou a sede da Editora Abril. Consegui dois bonecos. São oito no total. E nada do Chaves. Fui ao Center Norte. Nada. Ao Lar Center. Idem. Assim continuou no Shopping D, Santana Park, Avenida Brás Leme, Avenida Engenheiro Caetano Álvares, Shopping Villa Lobos e Praça Panamericana. Desisti. Hoje vi que entrou uma nova promoção e não vou mais procurar o Chaves. Além de mim, ficará chupando dedo meu irmãozinho, lá na Irlanda, que também queria o boneco que mora no barril.

Se alguém tiver o boneco e quiser vender pelo preço de 2, eu pago. Pensem em uma criança feliz? Será meu filho. Pensem em pontinhos no céu? Quem fizer a venda ou a doação.

Agora uma coisa boa que aconteceu no Mc nesta minha peregrinação, foi eu ter ganhado um cartão “drive thru”, que me dá direito a comer “sunday” toda vez que compro um combo, além do desconto. Como tudo que é de graça é bom, lá fui eu hoje comprar um combo só para ganhar o sorvete. Voltei do trabalho e vim saboreando meu lanche. Estava quase chegando em casa e tomando o último gole de guaraná, quando engasguei. Comecei a tossir, me deu ânsia e por pouco, não preciso jogar meu carro no Tietê. Deu tempo de chegar em casa.

Pobre não tem vez. Paga por tudo na vida e quando ganha um sorvete, passa mal. Será que foi emoção?

Nenhum comentário:

Postar um comentário