terça-feira, 2 de março de 2010

Ética


Estava no trabalho. Um colega fez uma brincadeira inocente e a professora de ética chamou a atenção: “trabalhamos com a formação do caráter de indivíduos que serão o futuro do nosso país; há brincadeiras que não devem ser feitas, pois podem escapar sem querer na frente dos alunos e servir de exemplo”. Moral da história: ÉTICA, SEMPRE.

Tenho trinta e cinco anos e trabalhei por catorze na área de RH. Mesmo não estando mais na área há alguns anos, é minha formação profissional. Mesmo que minha formação acadêmica não seja em RH.

Ontem, na Assembléia de condomínio, ouvi uma coisa que me deixou chateada, sobre a demissão de uma pessoa que trabalha para nosso condomínio, e que outra já está em treinamento.

A ética deve estar obrigatoriamente em todos os lugares. Não importa por qual motivo uma pessoa tenha seu desligamento do trabalho. Não importa se a pessoa é incompetente, é incapaz. Importa aqui é o fato de ser um indivíduo, um ser humano, que possui sentimentos e que os mesmos precisam ser respeitados.

Defendo que a disciplina “ética” deve ser incluída nos currículos escolares desde a educação infantil. Quem sabe assim, poderemos de fato construir um amanhã mais digno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário