sexta-feira, 24 de outubro de 2008

A natureza


Meus sentimentos em relação ao Verão são paradoxais. Acho lindo acordar e ter um belo e claro dia, iluminado pelo mestre Sol. Esta sensação de alegria, porém, dura poucos segundos, mais exatamente, até o momento em que saio do banho e me visto. Já começa o calor.

Momentos felizes da minha vida, marcados naquela página especial do coração, são os momentos em que acordava em Santiago do Chile e aquele friozinho matinal, que iniciava geralmente com 11 graus, se estendia até por volta das 9 horas. Depois o Sol vinha com força total e o calor nos dava a sensação térmica de 40 graus. Ao cair do dia, nosso Astro Rei começava a recolher-se e o arzinho gelado invadia nossos corpos. Deitávamos em nossa cama, 15o. andar de um edifício, há poucos quilômetros da Cordilheira dos Andes e ficávamos observando aquele espetáculo da natureza, juntamente com o frio que adentrava através da grande varanda do nosso quarto e com o edredon a postos.

Hoje, como todos os dias em que estamos vivendo, o dia amanheceu com uma temperatura. Bruscamente, o calor passou a fazer parte dos nossos momentos, de tal forma que meu corpo não resistiu. Tive uma brusca queda de pressão em plena sessão de cinema. Bendito ar-condicionado do carro, que me refrigerou até em casa, onde pude tomar um banho e ficar deitada sob o ventilador em alta velocidade, retomando os sentidos pouco a pouco.

Precisamos cuidar da nossa natureza, pois sim, ela é nossa, nos pertence e é através da preservação do meio-ambiente que, quiçá um dia, nossos filhos, netos, bisnetos, poderão viver dias de uma única temperatura, ter suas saúdes menos abaladas por constantes crises alérgicas e, principalmente, presenciar grandes espetáculos naturais.

Deixo aqui uma pequena amostra do show particular da nossa varanda, em pleno mês de dezembro, por volta de 22 horas. E que o Verão passe voando para que meu amado Inverno volte.

2 comentários:

  1. Tô contigo nessa. Quase morri aí no último verão e tô curtindo demais o tempo do hemisfério norte.

    E falando em natureza, no nosso jardim botânico tá cheio de esquilo que sobe no colo das pessoas pra comer. Já viu uma cena dessa?

    bjunda

    ResponderExcluir
  2. Putz MV, tem tanta coisa LINDA na natureza, tanto espetáculo gratuito e tanta gente se empilhando em casas de espetáculos, pagando fortunas por, muitas vezes, apenas o "status" de ter estado lá... enquanto isto, VENHAM ESQUILOS!!! Love ú

    ResponderExcluir